Ocorreu um erro neste gadget

30 julho 2008

IMPACTOS DO PLÁSTICO

(publicado em 30.07.2008)

Oceano de plástico

Durabilidade, estabilidade e resistência a desintegração. As propriedades que fazem do plástico um dos produtos com maiores aplicações e utilidades ao consumidor final, também o tornam um dos maiores vilões ambientais.

São produzidos anualmente cerca de 100 milhões de toneladas de plástico e cerca de 10% deste total acabam nos oceanos, sendo que 80% desta fração vem de terra firme.


Foto do vórtex

No oceano pacífico há uma enorme camada flutuante de plástico, que já é considerada a maior concentração de lixo do mundo, com cerca de 1000 km de extensão, vai da costa da Califórnia, atravessa o Havaí e chega a meio caminho do Japão e atinge uma profundidade de mais ou menos 10 metros .

Acredita-se que haja neste vórtex de lixo cerca de 100 milhões de toneladas de plásticos de todos os tipos.

Pedaços de redes, garrafas, tampas, bolas , bonecas, patos de borracha, tênis, isqueiros, sacolas plásticas, caiaques, malas e todo exemplar possível de ser feito com plástico. Segundo seus descobridores, a mancha de lixo, ou sopa plástica tem quase duas vezes o tamanho dos Estados Unidos.



Ocean Plastic

O oceanógrafo Curtis Ebbesmeyer, que pesquisa esta mancha há 15 anos compara este vórtex a uma entidade viva, um grande animal se movimentando livremente pelo pacifico. E quando passa perto do continente, você tem praias cobertas de lixo plástico de ponta a ponta.


Tartaruga deformada por aro plástico

A bolha plástica atualmente está em duas grandes áreas ligadas por uma parte estreita. Referem-se a elas como bolha oriental e bolha ocidental. Um marinheiro que navegou pela área no final dos anos 90 disse que ficou atordoado com a visão do oceano de lixo plástico a sua frente. 'Como foi possível fazermos isso?' - 'Naveguei por mais de uma semana sobre todo esse lixo'.

Pesquisadores alertam para o fato de que toda peça plástica que foi manufaturada desde que descobrimos este material, e que não foram recicladas, ainda estão em algum lugar. E ainda há o problema das partículas decompostas deste plástico.

Segundo dados de Curtis Ebbesmeyer, em áreas do oceano pacifico podem se encontrar uma concentração de polímeros de até seis vezes mais do que o fitoplâncton, base da cadeia alimentar marinha.


Todas as peças plásticas à direita foram tiradas do estômago desta ave

Segundo PNUMA, o programa das nações unidas para o meio ambiente, este plástico é responsável pela morte de mais de um milhão de aves marinha todos os anos. Sem contar toda a outra fauna que vive nesta área, como tartarugas marinhas, tubarões, e centenas de espécies de peixes.


Ave morta com o estômago cheio de pedaços de plástico

E para piorar essa sopa plástica pode funcionar como uma esponja, que concentraria todo tipo de poluentes persistentes, ou seja, qualquer animal que se alimentar nestas regiões estará ingerindo altos índices de venenos, que podem ser introduzidos, através da pesca, na cadeia alimentar humana, fechando-se o ciclo, na mais pura verdade de que o que fazemos à terra retorna à nós, seres humanos.

Fontes: The Independent , Greenpeace e Mindfully

Informações adicionais: planetasustentavel.abril.com.br/noticia/ambiente/conteudo_272127.shtml?func=1&pag=0&fnt=10pt

Ver essas coisas sempre servem para que nós repensemos nossos valores e principalmente nosso papel frente ao ambiente em que vivemos.

Antes de Reciclar, reduza!

2 comentários:

  1. Já repararem que a grande maioria dos homens vivem como se não existissem outros seres vivos na Terra? Tudo que fazem é em pró de seu próprio desenvolvimento...e a Natureza que se exploda!

    Até quando vamos suportar essa situação?

    Já pararam para pensar que o responsável pela deformação daquela tartaruga pode ter sido você? E ai, como se sente?

    Eu li essa matéria mais de uma vez e todas as vezes que olhei para aquelas imagens e dados me senti muito mal, pois sei que também tenho uma parcela de culpa nisso. Mas diferente da maioria das pessoas, mudei os meus hábitos e hoje além de reciclar meu lixo, procuro consumir conscientemente e sempre que possível educo todos ao meu redor.

    Vamos lá pessoal! Não é tão complicado assim! Vamos ter responsabilidade!

    Não jogue lixo no chão
    Economize água
    Economize energia
    Não compre coisas desnecessárias
    Recicle seu lixo
    Reutilize objetos
    Valorize o artesanato, principalmente feito de matéria prima reaproveitada
    Evite comprar coisas que contenham isopor, pois não é possível reciclá-lo
    Leve sua própria sacola quando for às compras
    ...etc

    Aproveite e cuide da Natureza. Ela tem vida e é linda!

    ResponderExcluir
  2. Pois é Paulinha, horrível essa imagem... chocada!! Tento educar Caio com alguns cuidados, é de pequeno que se torce o pepino e se faz o homem. Parabéns pela iniciativa.
    Bjos Kare

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails